Acerte no rótulo da sua cerveja artesanal

E encante o público na prateleira

Boas estratégias de marketing e publicidade levam o público cervejeiro até os pontos de venda. Ao se deparar com tamanha variedade de marcas, o fator determinante na tomada de decisão do cliente é, na maioria das vezes, o rótulo.

De alguns anos para cá, o perfil do consumidor cervejeiro no brasil mudou bastante. De acordo com a Mintel, empresa de inteligência de mercado, 57% deles preferem comprar pequenas quantidades de cerveja, que apresentam maior qualidade. E onde o rótulo entra nisso?

Para as cervejarias artesanais, isso significa o crescimento do mercado. Isso traz em consequência um grande aumento na concorrência! Um grande diferencial em meio a tantas opções na hora da compra é o rótulo da cerveja, que atrai o olhar quando cumpre estratégias chave.

Vou listar abaixo algumas, que se mostraram eficientes na busca pelo chamariz.

ELABORE UM DESIGN QUE CONVERSE COM O PERFIL DA SUA MARCA

Cada empresa tem uma identidade e tom de voz. Essa personalidade acaba definindo quem será seu público alvo! O rótulo tem que estar alinhado com tudo isso, afinal é muito mais assertivo fazer um layout que converse com pessoas que abracem seus valores.

Menos pode ser mais nesse caso, e vice versa. Existem diversas possibilidades no mundo do design gráfico, e as mais rebuscadas tendem a nos seduzir. Então, é importante entender o conceito que você deseja passar antes de iniciar um processo de criação. Uma ilustração elaborada em rótulo costuma ficar lindo. Contudo, em alguns casos o destaque está justamente no minimalismo. Entenda o que você deseja expressar para alcançar seu objetivo com maior facilidade!

Para isso, implementar uma pesquisa de mercado prévia ajuda a apontar direcionamentos certeiros e bem específicos. Dessa forma, evita-se refação e rejeição do consumidor.

Exemplificando bem, temos a linha da cervejaria Gangster. Eles fizeram os layouts utilizando o personagem presente na marca: um guaxinim mafioso! Seus rótulos buscaram referência nas paredes de mugshot americanas, cada uma representando um “crime” diferente que leva o consumidor a decifrar o estilo da cerveja.

APRESENTE ALGO NOVO NO RÓTULO

Ainda utilizando a pesquisa feita pela Mintel como referência, 42%  das pessoas mencionou que a motivação ao comprar uma cerveja artesanal é a procura por um sabor inovador. Entre os mais jovens -pessoas de 18 a 24 anos – isso foi ainda mais evidente, pois a resposta foi citada por 53% deles.

Ou seja, a boa e velha estratégia de trazer uma novidade ainda é eficiente! Sua empresa pode fazer isso criando cervejas de estilo raro, ou uma releitura de receitas clássicas.

Outro excelente atrativo é inserir um easter egg – um “segredo” ou algo a ser descoberto pelo consumidor – dentro do rótulo. É hora de deixar a criatividade aflorar e descobrir o que a sua marca tem a oferecer de novidade!

Um bom case é a Golden State da cervejaria Charada, que uniu os dois métodos em um rótulo e criou uma cerveja artesanal de estilo pouco explorado, onde quem a bebe deve encontrar os elementos cervejeiros escondidos ao longo do rótulo.

Simples, divertido, e o mais importante: muito interessante! Tudo que gere interação com o seu cliente é uma opção a ser considerada.

SAIBA O QUE INFORMAR

Você sabe quais são as informações obrigatórias que devem estar presentes no painel frontal do rótulo? Existem leis que determinam o que deve constar no seu produto e esse é o primeiro ponto que deve ser observado.

Em seguida, tente pensar quais dados ou curiosidades o seu público gostaria de ler. Muitas pessoas compram a cerveja porque ela contém dicas de harmonização, copo ideal para o consumo, entre outros. Em contrapartida, existem clientes que preferem saber técnicas específicas, por já apresentar conhecimento elevado em relação aos estilos.

Bem interativo, o story telling é uma tática que tem sido bastante explorada atualmente! Ele se resume em contar uma breve história no rótulo, seja da marca, seja do seu conteúdo.

Um exemplo bacana é o rótulo que nós (da Part Comunicação) fizemos para presentear alguns clientes. Criamos uma lupa de acetato e escondemos a outra versão do rótulo em linhas bem finas na cor ciano. Para que a pessoa pudesse ver o “cervejeiro” ela deveria passar a lupa vermelha sobre o rótulo e ver a “mágica” acontecer na Part Beer.

Versão em ciano do cervejeiro “escondido”:

ESTEJA ATENTO AO ACABAMENTO DO SEU RÓTULO

Por último mas de forma alguma menos importante, o acabamento de impressão do rótulo é crucial para uma boa apresentação do mesmo!

É comum que as pessoas pensem no design, na ilustração, nos dizeres e nome da cerveja, mas façam a impressão sem planejamento.

Existem diversos materiais que você pode utilizar para complementar a percepção visual do cliente na prateleira. Esse pode ser o grande atrativo do seu rótulo!

Insira um metalizado no local correto, papéis de toque especial, laminação fosca, brilho… o que complementar bem o design e envolver o rótulo fazendo um acabamento inusitado, só tem a agregar!

A Jane, da cervejaria Banana Jack, traz a malemolência carioca de onde foi criada. Ela mostra a paisagem azul do Rio de Janeiro e acabamento metalizado no nome e gravata, elementos em tom amarelo que fazem referência à banana (ingrediente aromático da receita). Estratégico e sutil, logo que você bate o olho no rótulo tudo faz muito sentido.

Destacar seu rótulo na prateleira é um processo de muitas etapas. Você não precisa entrar de cabeça nisso sozinho, existem profissionais da área que já sabem direcionar direitinho a melhor estratégia para a sua marca!

Entre em contato com eles, explique seu conceito, o objetivo final, e acompanhe de perto a produção. Seguir essas premissas básicas já é um pulo para o sucesso!

Marina Duarte

 

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Instagram Feed Instagram Feed Instagram Feed Instagram Feed Instagram Feed Instagram Feed