O Pinguim foi inaugurado em 1936, em Ribeirão Preto, São Paulo. Em BH ele está desde 2006, localizado à Rua Grão Mogol, 157, no bairro Carmo Sion. Hoje, são duas lojas em Ribeirão Preto, além das filiais em BH e Brasília.

A casa do bar, restaurante e choperia Pinguim, aqui em Belo Horizonte, é super bonitinha, bem arejada e o restaurante muito bem decorado. A iluminação é toda planejada, os jardins são maravilhosos e o ambiente aconchegante e requintado. Além disso, existe um espaço exclusivo para as crianças, com recreação infantil, o que é um alívio para os pais.

São várias alternativas de pratos, frios, saladas, sanduíches, pizzas e petiscos. Para acompanhar, além dos chopes tradicionais, agora você pode harmonizar com cervejas artesanais. O cardápio contará agora com três opções de chopes: Session I.P.A, Verano e Colorado Appia, ambos de 300 ml, além de 11 tipos de cervejas em garrafa, entre  X Wälls, Bohemian Pilsner, Belgian Witte, Hop Corn IPA, Colorado Cauim, Colorado Indica, Colorado Demoiselle, Dubbel, Trippel, 42 e Petroleum (em garrafas de 600ml e de 375ml). “Nossos clientes terão a oportunidade de conhecer os sabores e aromas das bebidas produzidas em uma das mais conceituadas cervejarias do Brasil, e o melhor, daqui de Belo Horizonte”, afirma Márcio Pereira Nascimento, gerente geral do Pinguim BH.

Eu ainda não tive a oportunidade de conhecer a choperia, estou curiosa. Agora com essa nova carta de cervejas artesanais tenho mais um incentivo. Quem sabe não dou uma passada por lá e escrevo um post para o Lugares para Beber Cerveja Artesanal?

Quem já foi? O que acharam? Querem que eu vá conhecer? Conte aqui!

Um abraço!