Sempre que vou ao Protótipo fico animada, porque atualmente, é um dos bares mais charmosos e gostosos da capital mineira. Com uma carta de mais de 200 rótulos e petiscos mais que especiais, o bar é localizado no coração do Santa Tereza, bairro dos butecos tão típicos de BH, na Rua Professor Galba Veloso, 206, em Belo Horizonte.

Dessa vez, o Barba esteve presente para o lançamento da Santê, a primeira cerveja do Protótipo Bar. Tanto o Lucas, quanto o Ângelo, os proprietários, já tinham nos confessado do antigo desejo de fazer uma cerveja deles.

O evento, como sempre, estava impecável! Pedimos as famosas (e pra mim as melhores do mundo) Stout Flavored Onions (duas vezes por sinal! #mejulguem), que são anéis de cebola empanados na Stout e molho Pineapple; Fish and Chips, tirinhas de tilápia empanadas em farinha especial, acompanhadas de batatas minguantes e molho rauch; e Meat The Cheease, lasquinhas de contra-filé, envoltos em queijo canastra.

A Santê era a estrela da festa. E como brilhava! Refrescante e amarga ela agradou os paladares mais exigentes. A escolha do nome foi devido ao apelido carinhoso que os belorizontinos chamam o bairro de Santa Tereza: Santê. A cerveja foi produzida na Verace em parceria com o cervejeiro Álvaro Mafra. De acordo com Lucas, o estilo “Juicy” remete ao corpo cremoso e macio da cerveja, obtido por meio da mistura dos fermentos clássicos da West Coast e da New England IPA. Os lúpulos Citra, Amarillo e Vic Secret criam um sabor explosivo de frutas cítricas e tropicais. “Ela é um protótipo em edição limitada para amantes de cerveja. Cada receita será produzida e comercializada por apenas um trimestre”, destaca Lucas.

O estilo New England IPA ainda não é um estilo é uma tendência. Ficou muito famoso nos Estados Unidos e já conquista adeptos apaixonados em solo brasileiro. Foi em Vermont, na região de New England que a The Alchemist Brewery produziu a famosa Heady Topper, a primeira do estilo. As NE IPA’s são produzidas com cereais não maltados, malte base e leveduras que não produzam frutado/condimentado e uma carga alta de lúpulos cítricos e frutados, adicionados no final da fervura e na maturação, dry hopping e late hopping, respectivamente. A cerveja fica parecendo um suco de frutas (Juicy), de textura espessa, turva, com sabor e aroma de frutas tropicais e cítricas, minimizando o impacto do amargor.

As West Coast IPA’s são produzidas com lúpulos mais resinosos com alta taxa de alpha ácidos, responsáveis pelo amargor, usados principalmente no início da fervura, maltes especiais para dar mais corpo à cerveja e filtradas, para ter uma aparência mais translúcida.

A Santê será comercializada em duas versões: em garrafa de 500ml e em barril de chope e será vendida nas principais lojas especializadas de Belo Horizonte.

Se você ainda não conhece o Protótipo, é um bom motivo pra ir experimentar os pratos deliciosos e essa cerveja, que mau conheço, mas já considero pacas!

Um abraço!